Controle da População Animal






SEÇÃO DE CONTROLE DE POPULAÇÃO ANIMAL (SÇPOP)




Missão: Identificar e controlar nos animais as doenças de caráter zoonótico, monitorando ocorrências e intervindo quando necessário, observando os princípios éticos nas condutas com os animais. Realizar a Vigilância Sanitária de estabelecimentos e criatórios.



Atribuições:

1. Ações de Vigilância sobre as mais diversas zoonoses dentro do município – Incluindo Raiva; Leishmaniose; Esporotricose; Febre Maculosa; Leptospirose e outras.

2. Vacinação Antirrábica animal – Organização e execução da campanha anual de vacinação antirrábica animal, administração dos postos fixos de vacinação antirrábica (Campo de São Bento e Barreto).

3. Fiscalização Zoosanitária - A fiscalização zoosanitária tem como propósito a equação de problemas decorrentes da presença de diversas espécies de animais dentro do município. O objetivo desta atividade é não só impedir que a convivência homem-animal resulte em riscos à saúde humana, como também que estes animais sejam submetidos a abusos ou maus tratos. Esta fiscalização é feita por Fiscal Veterinário, respaldado por lei municipal (lei 726/1988; lei 2564/2008).

4. Licenciamento de estabelecimentos veterinários – Compete ao SÇPOP a fiscalização e o licenciamento sanitário dos estabelecimentos veterinários do município (clínicas veterinárias, consultórios veterinários, hospitais veterinários, estabelecimentos que comercializam produtos veterinários, laboratórios e centros de diagnóstico veterinário).

5. Projeto castração – Organização e execução do projeto de castração de cães e gatos do município.

6. Controle de animais sinantrópicos (Pombos e Morcegos) – As atividades de controle de animais sinantrópicos realizadas pelo SÇPOP tem o objetivo de minimizar o risco de ocorrência de agravos à saúde humana e oferecer aos munícipes uma melhor qualidade de vida. Animais sinantrópicos são aqueles que se adaptaram a viver junto ao homem, a despeito da vontade deste. Diferem dos animais domésticos, os quais o homem cria e cuida com as finalidades de companhia (cães; gatos; pássaros; outros). Destacamos, dentre os animais sinantrópicos, aqueles que podem transmitir doenças, causar agravos à saúde do homem ou de outros animais, e que estão presentes na nossa cidade, tais como: morcego, pombo.


Contato
Tel.:  2625-8441